Serviços 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras
Início do conteúdo

Fiocruz participa da 17ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia


26/10/2020

Por: João Boueri e Valentina Leite (VPEIC/Fiocruz)

Compartilhar:

Promovida pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), por meio da Coordenação-Geral de Popularização da Ciência, a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), em sua 17ª edição, foi realizada entre os dias 17 e 23 de outubro em todo o território nacional. O tema deste ano foi “Inteligência Artificial: A Nova Fronteira da Ciência Brasileira”. A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), presente em todas as edições da SNCT, coordenou as atividades dessa edição em parceria com a Universidade Federal da Bahia (UFBA), a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e a Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). 

Segundo o MCTI, foram mais de 3.500 atividades cadastradas em todo o país. Diante dos desafios trazidos pela pandemia do novo coronavírus, a Fiocruz, que completa 120 anos em 2020, readequou a programação das atividades para o formato on-line. Como resultado do trabalho conjunto com três universidades federais, foram realizadas mais de 90 atividades, divididas em sessões gravadas e ao vivo, e disponibilizadas em plataformas virtuais abertas à população. Para desenvolver as propostas de participação da instituição este ano, foi criado um Grupo de Trabalho, coordenado pela Vice-Presidência de Educação, Informação e Comunicação (VPEIC/Fiocruz).

Para a vice-presidente de Educação, Informação e Comunicação, Cristiani Vieira Machado, a Fiocruz desempenhou importante papel durante a SNCT, mesmo num cenário desafiador de combate à Covid-19. “A Fundação participou de todas as edições da SNCT, trata-se de um evento muito marcante para nós. Contamos com a contribuição de toda a comunidade: pesquisadores, professores, alunos e trabalhadores de todas as unidades, dos 11 estados em que a Fiocruz está presente”, afirmou a vice-presidente. “Este ano não pudemos receber os visitantes em nossos campi, por isso nos adaptamos ao on-line. Como resultado, tivemos uma programação rica, diversificada e acessível”.


Drª Cristiani Vieira Machado, Vice-presidente de Educação, Informação e Comunicação da Fiocruz (Foto: Peter Iliciev)

A respeito da temática escolhida para a Semana Nacional, Cristiani pontuou a importância de discutir a inteligência artificial sob diferentes olhares e perspectivas. “Tivemos ricos debates sobre o dinamismo e as rápidas adaptações na produção do conhecimento científico dentro da Fiocruz, além do desafio de trazer informação à população de maneira clara, transparente e confiável”, finalizou.

Já a coordenadora de Divulgação Científica da VPEIC, Cristina Araripe, falou sobre a importância da continuidade da divulgação científica neste ano. “Diante das dificuldades geradas pela pandemia de Covid-19, estamos preocupados com a continuidade das ações e dos projetos envolvendo os nossos grupos e profissionais da divulgação científica. Mesmo com a necessidade de mantermos o distanciamento social, todas essas atividades precisam ser continuadas”, explicou. 

As atividades ainda estão disponíveis ao público: rodas de conversa, palestras, debates, trocas de experiências, jogos, gincanas e manifestações culturais e artísticas. Para acessá-las, basta visitar o site do evento.

Mais em outros sítios da Fiocruz

Voltar ao topoVoltar