Início do conteúdo

Seminário discute cenários futuros sobre governança global em Saúde


29/04/2021

Fonte: Saúde Amanhã

Compartilhar:

A governança global do setor Saúde no incerto cenário pós-pandemia é tema do seminário on-line O Brasil depois da pandemia: sistema interestatal, instituições multilaterais e governança global da Saúde, promovido pela iniciativa Brasil Saúde Amanhã no dia 3 de maio, das 10h ao meio-dia. O evento apresentará três estudos inéditos que abordam a dimensão nacional e internacional da Saúde – que serão publicados como Textos para Discussão, disponíveis em acesso aberto no portal Saúde Amanhã. O seminário será transmitido ao vivo pelo canal da VideoSaúde Distribuidora da Fiocruz no YouTube

Com a abertura do sanitarista Paulo Gadelha, coordenador da Estratégia Fiocruz para a Agenda 2030, o seminário contará com a participação especial de Paulo Buss, coordenador do Centro de Relações Internacionais da Fiocruz. A mediação ficará a cargo do coordenador executivo da iniciativa Brasil Saúde Amanhã, José Carvalho de Noronha, que é pesquisador do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict/Fiocruz).

O economista Raphael Padula, coordenador da Pós-Graduação em Economia Política Internacional do Instituto de Economia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), apresentará sua análise sobre a disputa de poder global e a ordem liberal no século 21. As pesquisadoras Maria Regina Soares de Lima  e Marianna Albuquerque, coordenadoras do Observatório Político Sul-Americano (OPSA), da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), abordarão o papel da Organização das Nações Unidas (ONU) em premissas multilaterais. E Celia Almeida, pesquisadora titular e professora da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (Ensp/Fiocruz), discutirá os cenários da governança global em Saúde no contexto de transição da ordem mundial e de transformações do multilateralismo.

Confira a programação

Mais em outros sítios da Fiocruz

Voltar ao topoVoltar