Início do conteúdo

Vidas em Exclusão e a Reinvenção do Cuidado

Livro: Vidas em Exclusão e a Reinvenção do Cuidado

Autora: Roberta Gondim de Oliveira

Fortalecer e destacar as práticas de profissionais e agentes de saúde pública em todos os territórios do país. Uma das missões da Fiocruz que se tornou ainda mais urgente e necessária desde o início da pandemia de Covid-19. É nesse contexto que a Editora Fiocruz lança Vidas em Exclusão e a Reinvenção do Cuidado.

Escrito por Roberta Gondim de Oliveira, pesquisadora da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (Ensp/Fiocruz), o livro tem como base a ampla pesquisa desenvolvida durante o doutorado da autora. O título narra um estudo empírico em dois territórios da cidade do Rio de Janeiro: Rocinha e Manguinhos, lugares em que ela acompanhou as práticas de profissionais de saúde pública voltadas para o tratamento da tuberculose.

▶️ Confira o vídeo de lançamento abaixo ou clique aqui para assistir.

Ao acompanhar as equipes da Estratégia Saúde da Família (ESF) e do dispositivo Consultório na Rua (CnaR) por becos, vielas, viadutos e afins, ela desvela desafios para o enfrentamento da doença, que é diretamente associada a condições sociais precárias. "Reconhecer a tuberculose como doença negligenciada revela desdobramentos de um conjunto ampliado de negligências – de corpos, sujeitos e territórios, na problematização de formas de produção de conhecimentos e práticas que atuam sobre estes. Essa perspectiva analítica delineia o desafio que se pretende aqui enfrentar", diz a autora.  

Roberta Gondim ressalta que, em espaços conhecidos por cenas de uso de crack e outras drogas e demais situações de ampla vulnerabilidade econômico-social, ela pôde vivenciar - em diversos encontros - uma miríade de situações de cura da tuberculose, de abandonos e de retorno ao tratamento, de internações, de cuidado com o corpo, da busca da beleza, de festas, de desejos de vida, mas também de muitas mortes. Assim, ela deixa claro que o livro fala sobre cuidado e saúde, mas também fala, principalmente, sobre pessoas que têm nome, história, projetos de futuro e desejos de vida. 

Em quatro capítulos, a obra parte de perguntas potentes, que são levantadas e debatidas pela pesquisadora. De que forma o cuidado em saúde se faz? Como as referências de atenção à saúde que se aprende são postas em ação nesses contextos, tendo como cenário essa trama social que inviabiliza cotidianamente a vida de determinadas pessoas?

Sobre a autora
Psicóloga formada pela Universidade Federal do Pará (UFPA), Roberta Gondim de Oliveira é mestre em Saúde Pública pela Fiocruz e tem doutorado na área de Sociologia do Programa de Governação, Conhecimento e Inovação do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra (Portugal). É professora e pesquisadora da Ensp/Fiocruz. 

R$ 39,00 (impresso) | R$ 23,40 (digital) | 204 páginas

Comprar na Livraria Virtual (impresso)



Comprar no SciELO Livros (e-book)

Primeira edição: 2021
ISBN (impresso): 978-65-5708-050-4
eISBN (digital): 978-65-5708-154-9

Prefácio
Introdução
1. Reflexões sobre a Produção de Vidas Precárias: um debate sobre colonialidade e saúde
2. Exclusão e Cuidado: “aqui a tuberculose é assunto todos os dias”
3. Suzana Varre a Calçada da Cracolândia: práticas de saúde nas ruas
4. Da Medicina Colonial à Saúde Global: desafios contemporâneos 
Algumas Ponderações Finais
Referências

Em acesso comercial no SciELO Livros

Voltar ao topoVoltar