Serviços 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Fiocruz

Fundação Oswaldo Cruz uma instituição a serviço da vida

Início do conteúdo

Sistemas Alimentares, Fome e Insegurança Alimentar e Nutricional no Brasil

LIVRO: Sistemas Alimentares, Fome e Insegurança Alimentar e Nutricional no Brasil

Autores: Rosana Salles-Costa, Aline Alves Ferreira, Paulo Castro Junior, Luciene Burlandy

Fome, insegurança alimentar e nutricional, desnutrição, obesidade e doenças crônicas não transmissíveis (DCNT). Questões complexas que influenciam a vida de milhões de pessoas no Brasil e no mundo e que foram potencializadas pelo contexto da pandemia de Covid-19. Para debater e jogar luz sobre esse cenário, a Editora Fiocruz lança Sistemas Alimentares, Fome e Insegurança Alimentar e Nutricional no Brasil (coleção Temas em Saúde).

Rosana Salles-Costa, Aline Ferreira, Paulo Castro Junior e Luciene Burlandy partem da perspectiva de pensar as relações entre a fome, a insegurança alimentar e nutricional, a obesidade e as DCNT, no contexto dos sistemas alimentares.

Segundo os autores, o volume foi elaborado com o intuito de corroborar o debate sobre os desafios e as reflexões pautadas na recente agenda científica sobre o tema. "A reflexão foi desenvolvida à luz de uma compreensão integrada de processos que atravessam os sistemas alimentares globalizados, com destaque para o cenário brasileiro", resumem.    

A obra aborda ainda uma concepção ampliada da chamada SAN: segurança alimentar e nutricional. Essa abordagem leva em conta a construção, ao longo dos anos, de uma política e de um Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional no Brasil, formalizados na Lei Orgânica de Segurança Alimentar e Nutricional (Losan), além das redes organizadas da sociedade civil, das instituições acadêmicas e de segmentos de governos.

Em cinco capítulos, o livro problematiza como a atual configuração dos sistemas alimentares globalizados afeta os rumos das políticas governamentais e os usos de recursos públicos, gerando diferentes tipos de desigualdades. Essa configuração estimula práticas alimentares que vêm sendo associadas às DCNT, condicionando situações de fome e de insegurança alimentar e nutricional. "Portanto, acentuam as próprias condições de vulnerabilidade econômica e social vivenciadas por diferentes segmentos da população", enfatizam. 

Os pesquisadores propõem, ao longo do livro, um conjunto de materiais estratégicos voltados para estudantes, profissionais da saúde e público em geral. Para isso, eles apresentam conceitos e conteúdos fundamentais de alimentação e nutrição, por meio de informações atualizadas que mostram como os sistemas alimentares são caracterizados por desigualdades, problemas ambientais e de saúde. "Pretende-se subsidiar reflexões que considerem a multidimensionalidade e a complexidade dos temas abordados", destacam. 

Sobre os autores
A nutricionista Rosana Salles-Costa é doutora em saúde coletiva pelo Instituto de Medicina Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IMS/Uerj). É professora titular do Instituto de Nutrição Josué de Castro da Universidade Federal do Rio de Janeiro (INJC/UFRJ) e professora do Programa de Pós-Graduação em Nutrição Humana da UFRJ. É pesquisadora e integrante do GT de Monitoramento da Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional e líder do Grupo Interdisciplinar de Estudos em Segurança Alimentar e Nutricional. 

A nutricionista Aline Alves Ferreira é doutora em Epidemiologia em Saúde Pública pela Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca da Fundação Oswaldo Cruz (Ensp/Fiocruz). É professora adjunta do INJC/UFRJ e professora do Programa de Pós-Graduação em Nutrição Humana da UFRJ. É integrante do GT de Saúde Indígena da Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) e colíder do Grupo Interdisciplinar de Estudos em Segurança Alimentar e Nutricional.   

O nutricionista Paulo Castro Junior é doutor em Epidemiologia em Saúde Pública pela Ensp/Fiocruz. É professor adjunto do INJC/UFRJ. É integrante das seguintes redes: Aliança pela Alimentação Adequada e Saudável; Grupo Interdisciplinar de Estudos em Segurança Alimentar e Nutricional; Grupo de Pesquisa em Epidemiologia, Nutrição e Saúde Pública da Fiocruz.

A nutricionista Luciene Burlandy é doutora em Saúde Pública/Políticas Públicas pela Fiocruz. É professora associada da Faculdade de Nutrição da Universidade Federal Fluminense (UFF), onde também leciona em dois programas de pós-graduação: Ciências da Nutrição e Política Social. É coordenadora do Centro de Referência em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional da UFF. É uma das organizadoras de Segurança Alimentar e Nutricional: perspectivas, aprendizados e desafios para as políticas públicas (2013), publicado pela Editora Fiocruz.

Livro integra lista de propostas aprovadas em edital para Temas em Saúde
A obra é a 20ª publicação oriunda de chamada pública da Editora Fiocruz para novos títulos da coleção Temas em Saúde. Em abril de 2019, foram lançados dois editais para encerrar o ciclo de comemorações dos 25 anos da Editora. A chamada para compor a coleção recebeu 122 propostas de publicação e Sistemas Alimentares, Fome e Insegurança Alimentar e Nutricional no Brasil foi uma das aprovadas.

R$ 15,00 (impresso) | R$ 9,00 (digital) | 151 páginas

Comprar na Livraria Virtual (impresso)

 

Comprar no SciELO Livros (ebook)

Primeira edição: 2022
ISBN (impresso): 978-65-5708-134-1
eISBN (digital): 978-65-5708-168-6

Apresentação
1. Sistemas Alimentares Globalizados
2. Indicadores de Fome e de Insegurança Alimentar
3. O Cenário da Fome, da Insegurança Alimentar e o Perfil Nutricional no Brasil
4. As Desigualdades nos Sistemas Alimentares
5. Desafios e Perspectivas na Construção de Sistemas Alimentares Sustentáveis, Equitativos e Saudáveis
Considerações Finais
Referências
Sugestões de Leitura

Em acesso comercial no SciELO Livros

Confira outros títulos desta mesma coleção:
Confira outros títulos com a mesma classificação temática:

Voltar ao topoVoltar