Serviços 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Fiocruz

Fundação Oswaldo Cruz uma instituição a serviço da vida

Início do conteúdo

Novo sistema monitora causas da mortalidade infantil


12/12/2005

Compartilhar:

Novo sistema monitora causas da mortalidade infantil

Em Manaus, 26,9% das crianças nascidas vivas são filhas de mães adolescentes. Em Fortaleza, 52,9% da população com idade igual ou superior a 25 anos não completou o ensino fundamental. No município do Rio de Janeiro, 60,6% dos óbitos infantis estão relacionados a afecções perinatais. Em Porto Alegre existem 46,4 leitos para cada dez mil habitantes. Esses dados servem como indicadores para entender melhor as causas da mortalidade infantil no país. Por esse motivo a equipe do Departamento de Informação em Saúde (DIS) do Centro de Informação Científica e Tecnológica (Cict) da Fiocruz construiu, por meio do Programa de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica em Saúde Pública (PDTSP), um sistema de monitoramento de indicadores de mortalidade infantil, o MonitorIMI.

Leia mais na Agência Fiocruz de Notícias.

Voltar ao topoVoltar