Início do conteúdo

Ministério lança tecnologia para diagnosticar vírus H1N1


28/06/2010

Compartilhar:

Ministério lança tecnologia brasileira para diagnosticar vírus H1N1

O Ministério da Saúde lançou o Kit Nacional para Diagnóstico da Influenza H1N1, tecnologia brasileira desenvolvida para identificar o vírus da gripe pandêmica. A partir de agora, o país tem capacidade de produzir os reagentes biomoleculares utilizados nos laboratórios para detectar a doença e se tornar mais independente do mercado internacional. O kit será fabricado por um consórcio entre a Fiocruz, por meio do Instituto de Tecnologia em Imunbiológicos (Biomanguinhos) e do Instituto Carlos Chagas (ICC), com o Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar). O investimento do governo federal no projeto foi de R$ 3,36 milhões.

Com esta rede, o Brasil terá capacidade de produzir 80 mil testes por mês para o diagnóstico de Influenza H1N1, o suficiente para atender a demanda nacional. Durante a primeira onda da pandemia, entre abril e dezembro de 2009, foram realizados 73.121 testes. Com a vacinação de mais de 82,7 milhões de pessoas, a expectativa é que caia o número de casos graves e mortes suspeitas pela doença. O exame é indicado para pacientes internados com suspeita de gripe pandêmica, em casos de surtos em comunidade fechadas e para investigar óbito.

Leia mais na Agência Fiocruz de Notícias

 

Voltar ao topoVoltar