Serviços 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras
Início do conteúdo

Fiocruz participa de Seminário Internacional sobre Colaboração em Vacinas e Inovação


06/07/2020

Cristiane Boar | VPPCB

Compartilhar:

A Fiocruz, representada pela coordenação de Coleções Biológicas da Vice Presidência de Pesquisa e Coleções Biológicas (VPPCB), participou, em junho, do Seminário Internacional de Colaboração em Vacinas e Inovação Terapêutica  Sul-Sul, promovido pelo Instituto Radcliffe, da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos.

A iniciativa contou com uma programação em diversas áreas com workshops de aceleração para expandir novos empreendimentos acadêmicos e de pesquisa para professores e alunos, por meio de conferências, simpósios e palestras com foco em novas ideias e políticas públicas com o objetivo de implementar formas inovadoras de promover um novo pensamento. Muitas doenças tropicais, arboviroses e tuberculose resistentes a antibióticos afetam desproporcionalmente os países de baixa renda. A maioria dos investimentos privados na descoberta de medicamentos e vacinas está concentrado no envelhecimento da população em países de alta renda.

A colaboração Sul- Sul (S-to-S) traz possibilidades de cooperação científica e tecnológica considerando que a região hospeda biodiversidade única e considerável, da qual novas drogas podem ser derivadas.  

A participação da Fiocruz como representante do Brasil na apresentação é destaque das regiões emergentes com investimentos em inovação e resultados positivos, já que atualmente novos modelos de colaboração estão surgindo dentro e entre o sul da Ásia e a América Latina, para investir em vacinas e terapias alinhadas às necessidades das populações desses países, o que potencialmente vem a ajudar a catalisar parcerias e criar novas agendas de pesquisa.

A coordenadora das Coleções Biológicas da Fundação, Manuela da Silva, apresentou o trabalho desenvolvido na Fiocruz e os recursos biológicos para inovação em saúde e controle epidemiológico.  A apresentação destacou as diretrizes Institucionais, a implementação do sistema de gerenciamento de dados, a padronização de procedimentos relacionados às atividades das coleções, a implementação do sistema de gestão da qualidade e melhores práticas, além criação do Centro de Recursos Biológicos da Fiocruz(CRB).

Manuela destaca que fortalecer a presença da Fiocruz nas discussões internacionais é uma forma de gerar colaborações futuras. “Eventos desta natureza são muito importantes já que trazem visibilidade às atividades da Fiocruz, tais como as atividades relacionadas às nossas coleções biológicas e sua importante atuação na preservação da biodiversidade, pesquisa e desenvolvimento tecnológico, incluindo o fornecimento de importantes insumos para inovação e produção de medicamentos, vacinas e kits diagnósticos.”

O seminário promovido pelo Instituto Radcliffe é mais uma ação internacional para um projeto de pesquisa / publicação plurianual conduzido pelas faculdades de Harvard, em parceria com especialistas da colaboração S-to-S. 

Para acessar a gravação do seminário  o link é https://radcliffeinstitute.my.webex.com/recordingservice/sites/radcliffeinstitute.my/recording/playback/8cbefc98662243f59e2148da6b1c3fec  A senha de acesso é pEFeWUx5

 

Voltar ao topoVoltar