Serviços 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Fiocruz

Fundação Oswaldo Cruz uma instituição a serviço da vida

Início do conteúdo

Marco Civil: conheça alguns sites que oferecem informações sobre a saúde e o SUS


24/04/2014

Compartilhar:

Atualmente, é possível obter informações variadas a respeito do SUS na internet. O usuário pode consultar a lista de medicamentos da farmácia popular, baixar publicações, conhecer redes e programas do Ministério da Saúde e de outros órgãos ligados ao setor, entre muitas outras possibilidades. Conheça algumas iniciativas do campo da saúde:

Cartão Nacional de SaúdeO Cartão Nacional de Saúde ou Cartão do SUS é um documento pessoal que identifica o usuário do sistema, reunindo suas informações pessoais e dados sobre procedimentos clínicos já realizados. De acordo com seu projeto de implantação, toda vez que acontece um atendimento em um estabelecimento público de saúde ele é registrado por meio do cartão do paciente no banco de dados do SUS. Assim, mesmo que o atendimento seja feito em outros estabelecimentos e até mesmo em outros estados, o sistema é atualizado e é possível que o médico saiba o que já foi feito anteriormente.

Política Nacional de Alimentação e Nutrição: o site elaborado pela Coordenação Geral de Alimentação e Nutrição (CGAN/MS) oferece uma série de informações para uma alimentação saudável. Na página, é possível baixar publicações elaboradas pelo Ministério da Saúde sobre o tema, como o Guia Alimentar para a População Brasileirao Manual de Alimentação Saudável para a Pessoa Idosa, o Manual das Cantinas Escolares Saudáveis, entre outras publicações. O site também permite que o usuário calcule por conta própria a quantidade de sal consumido, o gasto calórico diário e o índice de massa corporal (IMC).

Rede Brasileira de Bancos de Leite Humanoo site permite ao usuário saber onde e como doar leite humano. Também disponibiliza publicações sobre o assunto, como a cartilha Amamentação sem Complicação e a Caderneta de Saúde (menina e menino). A rede também fornece educação a distância e articula via internet programas de cooperação internacional, para troca de conhecimento e tecnologia nas áreas de Aleitamento Materno e Banco de Leite Humano.

Portal do Ministério da Saúdeoferece informações variadas sobre o SUS. O usuário poderá encontrar na página endereços de estabelecimentos de saúde (públicos e privados), consultar a lista de medicamentos que constam na farmácia popular, acessar publicações, obter materiais informativos, conhecer as redes e programas do Ministério da Saúde, entre muitas outras ações.

Secretarias estaduais e municipais de saúde: Além do Ministério da Saúde, secretarias estaduais e municipais de saúde oferecem em suas páginas dicas de prevenção, publicações e disponibilizam os serviços oferecidos.

IdeiaSUS: o site é um banco de práticas e soluções em saúde e ambiente que permite ao usuário conhecer experiências, ações, iniciativas, projetos e programas ligados aos campos da saúde e ambiente, com foco no SUS. Toda informação disponível na página vem dos próprios profissionais de saúde.

Bibliotecas Virtuais em Saúde (BVS): é uma rede de gestão da informação que promove o intercâmbio de conhecimento entre os países da América Latina e Caribe. Atualmente, conta com mais de 2 mil instituições distribuídas em 30 países. Sua biblioteca oferece informações sobre produtos, serviços, pesquisadores, profissionais, comunidades de prática, notícias, publicações, documentos, entre outros.

Proqualis: o site foi criado com o objetivo de produzir e disseminar informações e tecnologias em qualidade e segurança do paciente. Com a divulgação contínua de conteúdos técnico-científicos, a página serve como uma fonte permanente de consulta e atualização para os profissionais de saúde. O portal destaca-se também por traduzir, adaptar e publicar conteúdos de instituições de relevância internacional para o português.

LEIA MAIS:

Marco Civil: o que a saúde tem a ver com isso?
Iniciativa em favor da democracia, regulamentação da internet é discutida desde 2006
Setores da saúde e educação defendem a igualdade no acesso à internet
Marco Civil da Internet fortalece o debate público e, por isso, a saúde

Voltar ao topoVoltar