Serviços 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Fiocruz

Fundação Oswaldo Cruz uma instituição a serviço da vida

Início do conteúdo

Estado do Rio de Janeiro tem baixos índices de vacinação contra a poliomielite

Caderneta de vacinação

08/09/2022

Bel Levy (Observa Infância)

Compartilhar:

Somente 13 dos 92 municípios do estado do Rio de Janeiro atingiram a meta de 95% das crianças de até um ano imunizadas contra a poliomielite em 2021. A capital também vacinou menos do que deveria: 84% do público-alvo completou o esquema vacinal contra a doença, também conhecida como paralisia infantil. Em 30 municípios fluminenses a vacina chegou a menos da metade da população-alvo, ou seja, a cobertura vacinal desses lugares é considerada muito baixa.

No ano passado, a média de cobertura contra a poliomielite em todo o estado foi de 61%, muito distante da meta de 95% e abaixo também da média nacional, a menor dos últimos 25 anos. Em 2021, apenas 75% dos bebês menores de um ano foram imunizados contra a doença em todo o país.

Em 2020, o relatório da Comissão Regional para a Certificação (RCC) da Erradicação da Poliomielite nas Américas (OPAS/OMS) expressou preocupação com a possibilidade de reintrodução do poliovírus no Brasil. O país passou a integrar a lista de alto risco para a doença, ao lado de Bolívia, Equador, Guatemala, Haiti, Paraguai, Suriname e Venezuela.
 

Voltar ao topoVoltar