Serviços 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras
Início do conteúdo

Escola Nacional de Saúde Pública completa 66 anos diante dos desafios da pandemia


01/09/2020

Compartilhar:

A pandemia de Covid-19, causada pelo vírus Sars-CoV-2, impõe desafios não só à saúde, mas às áreas social, econômica, cultural, política e educacional. Os caminhos e alternativas para enfrentamento desses impactos estarão na pauta da semana comemorativa dos 66 anos da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (Ensp/Fiocruz), por meio de debates on-line que perpassam as diversas repercussões da pandemia. Neste 1º de setembro, na abertura do evento, as mesas exibirão, a partir de diferentes olhares, os desafios da pandemia na educação e nas condições de trabalho dos profissionais na linha de frente. Em virtude das recomendações sanitárias de distanciamento social para redução da transmissão da Covid-19, todas as palestras serão transmitidas pelo canal da Ensp no YouTube. Para asssistir às atividades não há necessidade de inscrição prévia.

A abertura do evento será às 9h, com exibição do vídeo Desafios e caminhos da saúde em tempos de pandemia. Após a apresentação, a mesa será composta da vice-presidente de Educação, Informação e Comunicação (VPEIC), Cristiani Vieira Machado, pelo diretor da Ensp, Hermano Castro, pelo diretor da Asfoc-SN, Paulo Garrido, e pela representante do Fórum dos Estudantes da Ensp, Amanda Amorim Tomaz. Às 9h30, o painel Os desafios da educação no enfrentamento à Covid-19 reunirá docentes, alunos e dirigentes para debater as perspectivas de cada ator no processo educacional durante a pandemia. A atividade será conduzida pela vice-diretora de Ensino da Ensp, Lucia Dupret, e receberá o professor-titular da Faculdade de Educação e do Programa de Pós-Graduação em Educação da UFRJ, Roberto Leher, para falar sobre os Olhares do ensino superior. A doutoranda em Epidemiologia em Saúde Pública Tatiane Bahia do Vale Silva irá expor os Olhares dos alunos, enquanto Oswaldo Teles, presidente do Sindicatos dos Professores do Município do Rio de Janeiro e Região (SinproRio) abordará O olhar dos professores. Para finalizar o debate, a diretora da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz), Anakeila de Barros Stauffer, falará sobre o papel da instituição na discussão sobre a educação e a pandemia, com o tema O olhar da Fiocruz.
 
Na linha de frente

Na segunda atividade do dia, às 14h, a pesquisadora Márcia Teixeira, Chefe do Departamento de Administração e Planejamento em Saúde (Daps/ENSP/Fiocruz), coordenará o painel As condições de trabalho dos profissionais de saúde em tempos de pandemia. Trata-se de um desdobramento da pesquisa Condições de Trabalho dos Profissionais de Saúde no Contexto da Covid-19 no Brasil, conduzida pela Ensp e o Centro de Estudos Estratégicos da Fiocruz, cujo objetivo é analisar e compreender a realidade de vida e trabalho dos profissionais da equipe de saúde que atuam na linha de frente da pandemia.
 
O painel terá participação da pesquisadora do Daps Maria Helena Machado, coordenadora da pesquisa sobre as Condições de Trabalho; do  presidente do Sindicato dos Servidores de Ciência, Tecnologia, Produção e Inovação em Saúde Pública (Asfoc - SN), Paulo Garrido; do secretário Regional da Internacional de Serviços Públicos (ISP – Américas), Jocelio Drummond; do presidente do Sindicato dos Médicos (SINMED-RJ), Alexandre Telles; do presidente da Associação Nacional dos Auxiliares e Técnicos de Enfermagem (Anaten), José Antonio da Costa; e do presidente do Sindicato dos Médicos (SiNMED-MG), Fernando Luiz de Mendonça.

Todas as mesas serão transmitidas pelo Canal da Ensp no YouTube. Confira a programação completa das atividades comemorativas dos 66 anos da Ensp.

Voltar ao topoVoltar