Serviços 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras
Início do conteúdo

05/02/2019

Fiocruz cria sala de situação em saúde para apoiar Brumadinho


Fonte: Ensp/Fiocruz

Com o propósito de instalar uma sala de situação em saúde para planejar ações de apoio a todos os afetados pelo rompimento da barragem de Brumadinho, em Minas Gerais, e coordenar as respostas dos serviços de saúde nesse contexto emergencial, a Fiocruz articulou uma reunião, no dia 28/1, com dirigentes, gestores e pesquisadores da Fiocruz no Rio de Janeiro e em Minas Gerais.

O encontro teve a presença da presidente da Fiocruz, Nísia Trindade Lima, que admitiu preocupação das unidades regionais com potenciais desastres envolvendo grandes empreendimentos. Ela ressaltou o papel da Fundação no planejamento e avaliação das ações em saúde diante desse contexto, bem como a necessidade de dar respostas à população.

As ações de apoio que a Fiocruz irá implementar foram subsidiadas pela força-tarefa organizada pela instituição na tragédia de Mariana, em 2015. O conjunto de propostas contemplam, além da capacitação em gestão de riscos, emergências e desastres em saúde, aprimoramento da vigilância, apoio na área da saúde mental e atenção psicossocial às vítimas, além de suporte ao campo da saúde do trabalhador. 

A reunião também apontou outras iniciativas, como a necessidade de maior articulação com os movimentos sociais e comunitários da região, o aperfeiçoamento de mecanismos de classificação de riscos de barragens, licenciamento ambiental e fiscalização, e a realização de workshops, visitas técnicas às regiões afetadas e auxílio às secretarias de saúde (municipal e estadual). 

Confira aqui mais informações sobre as discussões feitas no encontro e as propostas apresentadas.  
 

Mais em outros sítios da Fiocruz

Voltar ao topoVoltar