Início do conteúdo

Chamada de experiências em saúde prisional: prazo prorrogado até 10/9


06/09/2021

Fernanda Marques (Fiocruz/Brasília)

Compartilhar:

O prazo para participar da chamada de seleção de experiências para compor a Curadoria de Experiências em Saúde Prisional (CESP) foi prorrogado até a próxima sexta-feira, 10 de setembro. A ideia central que orienta essa iniciativa é que as experiências dos profissionais no cotidiano em saúde prisional podem ajudar outras unidades e equipes.

Pode ser um mutirão, uma busca ativa ou qualquer outra ação educativa e comunicativa que você e sua equipe tenham desenvolvido para as pessoas privadas de liberdade, seus familiares ou os servidores penitenciários. O que importa é você partilhar a sua experiência e inspirar outros profissionais ao redor do Brasil.

Para participar, os autores precisam acessar o site da chamada, baixar o modelo de formulário e contar como foram realizadas as ações, estratégias e atividades desenvolvidas no âmbito do trabalho local. Por fim, é só enviar o formulário preenchido com seus dados para a seleção (é possível incluir imagem, vídeo e link). As experiências passarão pelo crivo de um Comitê Editorial e, se selecionadas, irão compor a exposição virtual da CESP.

A CESP é uma iniciativa criada para identificar, selecionar e destacar experiências do trabalho em Saúde Prisional. Vinculada ao portal Prisões Livres de Tuberculose – projeto desenvolvido em parceria pelo Departamento Penitenciário Nacional e a Fiocruz Brasília –, a proposta é que as experiências selecionadas ajudem a construir um espaço de memória, onde os profissionais poderão encontrar inspirações e soluções para suas ações no cotidiano, em especial aquelas relacionadas às estratégias educativas e comunicativas em Saúde Prisional.

Para mais informações, acesse o site da Curadoria de Experiências em Saúde Prisional (CESP)

Mais em outros sítios da Fiocruz

Voltar ao topoVoltar