Serviços 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras
Início do conteúdo

26/11/2019

2º Fórum Fiocruz de Memória debate ciência, memória e sociedade


Fonte: COC/Fiocruz


Fiocruz 120 anos: ciência, memória e sociedade
. Este será o tema do 2º Fórum Fiocruz de Memória, que será realizado nos dias 5 e 6 de dezembro de 2019, no Salão de Conferências Luiz Fernando Ferreira, no Centro de Documentação e História da Saúde (CDHS), no Campus da Fiocruz, em Manguinhos, Rio de Janeiro, a partir das 9h. O evento, promovido pela Casa de Oswaldo Cruz (COC/Fiocruz) em parceria com a Presidência da Fundação Oswaldo Cruz, é gratuito. Para participar, basta preencher a ficha on-line de inscrição.

Além de promover debates sobre a trajetória da instituição e os elementos fundamentais da construção de sua memória, o fórum homenageará o médico e sanitarista David Capistrano da Costa Filho (1948-2000). “O Fórum é um espaço permanente de diálogo, construção coletiva e sustentação da própria política de memória institucional da Fiocruz. Também é um momento especial, pois estaremos homenageando David Capistrano. Seu acervo doado à Fiocruz nos revela aspectos da trajetória do médico, gestor, intelectual, dirigente político e um dos principais expoentes do movimento pela Reforma Sanitária, que culminou na construção do Sistema Único de Saúde”, sublinhou Paulo Elian, diretor da COC.

Este ano, a novidade fica por conta de um pré-evento composto por dois minicursos que apresentam algumas experiências que vêm sendo desenvolvidas na Fiocruz sobre seus lugares de memória, entendidos em sua dimensão de tradição e inovação, nas áreas de preservação de acervos in situ e na difusão da memória por meio das novas mídias. “Os minicursos foram pensados para destacar a necessidade de envolvimento e vinculação afetiva da sociedade a esse patrimônio de 120 anos, que é de todos nós. São capacitações em formato compacto para ajudar aqueles que desejam iniciar o planejamento e o desenvolvimento de ações de valorização da memória institucional", explica Érica Loureiro, membro da comissão organizadora do Fórum.

A mesa de abertura vai contar com a presidente da Fiocruz, Nísia Trindade Lima, o diretor da Casa de Oswaldo Cruz (COC/Fiocruz), Paulo Elian, e o presidente do Sindicato de Trabalhadores da Fiocruz (Asfoc-SN), Paulo Garrido. Logo depois, uma mesa redonda com a participação da filha de David Capistrano Filho, Adélia Benetti de Paula Capistrano, Paulo Amarante (Ensp/Fiocruz) e de Aparecida Linhares Pimenta, do Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Estado de São Paulo (Cosems–SP) debaterá a trajetória do sanitarista pernambucano. A sessão de homenagem será coordenada pelo editor da revista Radis, Rogério Lannes.

Na programação da tarde do dia 5/12, a mesa redonda Entre a história e a memória: os institutos da Bahia, Minas Gerais, e Pernambuco contará com a participação de Natascha Carvalho de Ostos (Instituto René Rachou/Fiocruz Minas), Silvia Santos (Instituto Aggeu Magalhães/Fiocruz Pernambuco) e Marilda Gonçalves (Instituto Gonçalo Moniz/Fiocruz Bahia). A mesa será coordenada pelo historiador e professor da COC André Felipe.

O segundo dia do evento começa com a conferência Das cidades imaginadas às cidades disputadas: ruínas, rastros e inscrições de memórias, ministrada pela professora Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) Regina Abreu. O debate será coordenado por Renato da Gama-Rosa (COC/Fiocruz). O evento se encerrará com a mesa redonda Sociedade, Memória e Território, que terá as presenças da coordenadora Espaço Casa Viva/Rede CCAP, Elizabeth Campos, de Lourenço Cezar, do Centro de Estudos e Ações Solidárias da Maré (CEASM) e de André Lima, do Conselho Gestor Intersetorial do Teias Escola Manguinhos. A atividade será coordenada pelo diretor da Escola Nacional de Saúde Pública (Ensp/Fiocruz) Hermano Castro.

Pré-evento: Minicursos

O 2º Fórum Fiocruz de Memória será antecedido por um pré evento composto por dois minicursos no dia 4 de dezembro. Às 10h, o curso Memória e afeto nas mídias sociais terá a coordenação de Fernanda Marques e Renata Fontanetto, do Núcleo de Mídias do Museu da Vida. Às 14h, o curso Patrimônio cultural das ciências da saúde: noções para a sua preservação in situ terá a coordenação de Inês Nogueira e Pedro Paulo Soares, da Casa de Oswaldo Cruz. Os minicursos dispõem de 40 vagas cada um e para participar, é necessário preencher uma ficha de inscrição.

2º Fórum Fiocruz de Memória
Data
: 5 e 6 de dezembro de 2019
Hora: a partir das 9h
Programação
Local: Salão de Conferências Luiz Fernando Ferreira
           Centro de Documentação e História da Saúde (CDHS)
           Av. Brasil, 4065 – Manguinhos, Rio de Janeiro (RJ)

Pré-eventos: Minicursos
Local
: Salas 305 e 306 do CDHS
Memória e afeto nas mídias sociais
Data
: 4 de dezembro de 2019
Hora: 10h

Patrimônio cultural das ciências da saúde: noções para a sua preservação in situ
Data
: 4 de dezembro de 2019
Hora: 14h

Voltar ao topoVoltar