Início do conteúdo

Existe alguma relação entre microcefalia e vacinação?

5964
5964
Imagem de topo da página, escrito 'vírus zika: perguntas e respostas', com pequenos desenhos de partes do corpo

Existe alguma relação entre microcefalia e vacinação?

19/02/2016
Compartilhar:

O Ministério da Saúde (MS) esclarece que as vacinas ofertadas pelo PNI (Plano Nacional de Imunizações) são seguras e não há nenhuma evidência na literatura nacional e internacional de que possam causar microcefalia. É importante ressaltar que as vacinas contra a rubéola e contra o sarampo (dupla viral e tríplice viral – que inclui também a caxumba) não são aplicadas durante a gestação. O Ministério da Saúde não recomenda a vacinação de gestantes com qualquer vacina que contenha vírus vivo atenuado, como é o caso das vacinas dupla e tríplice viral. Como medida adicional de segurança, também é recomendado que a mulher não engravide até um mês após a vacinação, apesar de estudos mostrarem que as vacinas são seguras, mesmo se aplicadas durante a gravidez, não causando danos ao feto. Este procedimento visa a evitar dúvidas no diagnóstico, caso o feto apresente algum problema durante a gestação. Também é importante destacar que todas as crianças com suspeita de microcefalia no país passaram por testes para as principais causas de malformação, que são rubéola, toxoplasmose e citomegalovírus. Para todas essas doenças, o resultado foi negativo.

 

Fonte: Agência Fiocruz de Notícias e Ministério da Saúde

 

Perguntas relacionadas

Imagem de topo da página, escrito 'vírus zika: perguntas e respostas', com pequenos desenhos de partes do corpo
Imagem Artigos científicos Zotero
Acesse no Zotero referências bibliográficas

Avalie esta resposta

Voltar ao topoVoltar