Serviços 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras
Início do conteúdo

Curso de Promoção da Saúde: participantes relatam experiência


14/05/2019

Fonte: VPAAPS

Compartilhar:

Depoimentos sobre o Curso de Avaliação da Efetividade em Promoção da Saúde

Como desdobramento da 1ª Conferência de Promoção da Saúde da Fiocruz, o Programa de Pesquisa Translacional em Promoção da Saúde (Fio-PromoS) apoiou nos dias 15 e 16 de abril o Curso Internacional de Avaliação da Efetividade em Promoção da Saúde, coordenado pelos cursos de pós-graduação stricto sensu do Instituto Oswaldo Cruz (IOC) em Ensino em Biociências e Saúde e de Saúde Pública da Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca (ENSP).
As aulas ministradas pela pesquisadora Lygia de Salazar teve a participação de estudantes e pesquisadores da Fiocruz, incluindo unidades do Rio de Janeiro e regionais como Instituto Aggeu Magalhães (IAM/Fiocruz Pernambuco). 
A Coordenadora do FioPromoS Luciana Garzoni, Assessora de Promoção da Saúde da Vice-Presidência de Ambiente, Atenção e Promoção da Saúde  (VPAAPS) conversou com participantes. Confira os depoimentos.
                                                                                                                                                 
Drª. Luciana Garzoni – : O que você achou da Semana de Promoção da Saúde, com vários eventos como a 1ª Conferência de Promoção da Saúde da Fiocruz, o Encontro Estratégico do FioPromoS e o Curso de Avaliação da Efetividade em Promoção da Saúde (organizado pelo IOC, ENSP, FioPromoS e VPAAPS)?

Clelia Christina Correa de Mello Silva Almeida da Costa – Coordenadora da Câmara Técnica de Promoção da Saúde/IOC: “Eu achei a iniciativa fenomenal, realmente, esta questão de reunir diferentes unidades, juntar essa visão sistêmica de Promoção da Saúde, que começou com a Conferência e culminou com esse curso, foi substancial. Ter todos estes eventos para que nós possamos ter uma base da Promoção da Saúde, ter um retrato fiel da Promoção da Saúde da Fiocruz. O que que a Fiocruz quer, quando ela fala em promover saúde, qual é este retrato?  Então, todos esses eventos permitiu enxergar isso e daqui em diante fazer e promover ações que realmente vão retratar esse perfil da Fiocruz.”
 

Luiz Madeira – Presidência – CFMA:  “Em relação à semana de promoção da Saúde, foi uma semana ótima. O Encontro Estratégico FioPromoS foi riquíssimo, o nível bastante alto do debate, foi realmente um aprendizado coletivo, muito interessante para além dos outros resultados que a gente pode perceber quanto a produtos.  Há também uma perspectiva da criação de um projeto, e ainda a avaliação dos projetos que se referem à Promoção da Saúde na Fiocruz. 
Para além disso, tem a construção gradativa de elementos consensuais dentro da reflexão da Fiocruz, não que a meta seja ter um grande consenso sobre isso, mas ter o conhecimento de todos os pares em relação à esse tema, e de alguma forma que tenha aprendizados claros entre esses atores, não tem uma descentralização de boas intenções de vários pesquisadores, mas você tenha a constituição como é, como está constituído já de um programa que lide com isso com consciência, inclusive. 
Acho que isso é um grande desafio, e esses encontros contribuíram muito.”

Drª. Luciana Garzoni - Qual a importância do Curso de Avaliação da Efetividade em Promoção da Saúde? 

Maria Eduarda Guerra - Doutoranda Pós-Graduação CPqAM - aluna do curso de Doutorado da Pós-Graduação Strictu-Sensu do IAM (indicadas pela pesquisadora e orientadora Drª Islândia Maria CPqAM / Instituto Ageu Magalhães – IAM - Pernambuco): “Estou iniciando agora o primeiro semestre do Doutorado, serviu para esclarecer mais os conceitos da investigação avaliativa e dos aspectos metodológicos. Também a questão da avaliação não só na perspectiva normativa, mas levando em consideração a complexidade então, na questão acadêmica fortaleceu muito e vai contribuir para a construção do meu esqueleto do projeto da tese. Agradeço a oportunidade.”

Drª. Luciana Garzoni - Qual a importância de todos esses eventos e da participação da sua Unidade?

Sydia Oliveira – Pesquisadora do Instituto Ageu Magalhães – Pernambuco: “O Ageu Magalhães é a instituição técnico-científica mais antiga da Fiocruz, onde a gente consegue ter pesquisa, ensino e desenvolvimento em duas áreas do conhecimento, seja na área biológica, seja na área da saúde coletiva. Acho importante pensar Promoção a partir de outras realidades não só a Fiocruz Rio, e que possuem estudos de Promoção da Saúde. Ações de Promoção da Saúde como eventos, cursos, apresentam-se como uma perspectiva bem interessante, considerando que o Ageu é uma unidade que representa ensino e pesquisa.”

Drª. Luciana Garzoni –“Cara Dra. Lygia de Salazar, gostaríamos de saber como foi a sua experiência em participar dos eventos de promoção da saúde, falando para muitos pesquisadores no Segundo Encontro Estratégico do FioPromoS e nos agraciou com o Curso de Avaliação da Efetividade em Promoção da Saúde, e o que pensa sobre a importância de se pensar a efetividade para os projetos em situações complexas como são muitos dos projetos da Fiocruz?”

Lygia de Salazar – Universidade do Valle - Palestrante e professora do Curso Internacional de Avaliação da Efetividade em Promoção da Saúde da Universidad del Valle – Colômbia: “O primeiro é que devo agradecer muitíssimo pela oportunidade de compartilhar com vocês experiências e saberes, de identificar muitos pontos de vista de diferentes disciplinas, que tratam de promoção da saúde, de lugares onde está se fazendo a prática e focos teóricos. Por que é o que nós fazemos, cada um trabalha para seu próprio lado, mas há dois lados, cada um quer ter a verdade, devemos tratar de conhecer onde está o outro, o que pensa o outro, onde esta perspectiva se afinca. Então nesse sentido me pareceu muito importante o trabalho que está fazendo a Vice-Presidência de Ambiente, Atenção e Promoção da Saúde no sentido de potencializar estes tipos de encontros e o mais importante de apresentar a todos que estiveram lá, com a oportunidade para se fazer uma aprendizagem coletiva.”

Drª. Luciana Garzoni – “Cara Nhora gostaríamos de saber como foi a sua experiência em participar dos eventos de Promoção da Saúde, e do Segundo Encontro Estratégico do FioPromoS, sua participação no Curso de Avaliação da Efetividade em Promoção da Saúde, e o que pensa sobre a importância de se pensar a efetividade para os projetos em situações complexas como são muitos dos projetos da Fiocruz?”

Nhora Lucia Arias - Professora da Universidade Livre da Colômbia e aluna de Doutorado em Saúde da Universidad del Valle – Colômbia: “Como estudante foi muito importante para mim a possibilidade de participar da experiência e da semana anterior relacionada à Promoção da Saúde. A Conferência de Promoção da Saúde traz um componente comunitário mais a parte institucional, mostra o avanço dos movimentos sociais em um espaço institucional, o que é muito interessante. A possibilidade de escutar e ter reflexões nas conferências apresentadas, muito atuais e pertinentes para nós. Acredito que são questões que temos que aprender com vocês para o nosso país. O caso do Encontro Estratégico foi uma oportunidade muito interessante para o meu país. Olhar uma instituição tão reconhecida como a Fiocruz. Esta semana, com o curso de avaliação, a aprendizagem foi um aprendizado em duas vias.  De uma parte os aportes com as perguntas, a forma como elas se intitulam e o que elas estudam. Também em geral, uma reflexão sobre o que estão fazendo, sobre a importância de fomentar estes laços. Nesta experiência, os aspectos internos, os grupos de trabalho, pensar desdobramentos dos resultados que se tem, ter a possibilidade dos participantes poderem compartilhar, integrar, discutir e sentir diversas questões, é muito interessante.”

Drª. Luciana Garzoni –  “Cara Drª Maria de Fátima Lobato Tavares. Como foi coordenar um curso tendo duas unidades como o IOC e a ENSP com apoio da Vice-Presidência que trabalha a questão da Promoção da Saúde?”

Maria de Fátima Lobato Tavares – ENSP - DAPS - Promoção da Saúde no Ensino (Stricto Sensu), Planejamento, Avaliação e Cuidado das Práticas de Promoção da Saúde /Coordenadora do Curso de Avaliação de Efetividade em Promoção da Saúde.:  “Antes do curso em si, já imaginava como se dariam as trocas, pelos objetos de pesquisa, experiência e própria docência entre os participantes, da ENSP e IOC. Poder participar com essa metodologia da Ligia, que traz a questão das experiências e a gente olhar para o próprio objeto e perceber o quanto que essa troca foi importante, o quanto que a Promoção da Saúde transversaliza estes temas e ter essa experiência a partir de uma Câmara Técnica de uma Vice-Presidência, traz uma estrutura importante. Uma oportunidade da gente começar a mostrar esse campo tão importante como qualquer outro campo que temos na Fiocruz. A possibilidade de articular, integrar, propostas e ações, projetos de intervenções, foi o que eu vi. Então, com muita alegria agradeço esta oportunidade, para poder estarmos juntos, ajudando e participando nas discussões.”

Voltar ao topoVoltar