Serviços 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras
Início do conteúdo

Solicitar diagnóstico de referência em hepatite B - Fiocruz IOC/RJ

Solicitar diagnóstico de referência em hepatite B - Fiocruz IOC/RJ
1
Descrição

O Laboratório de Hepatites Virais (LAHEP) atua como Laboratório de Referência Nacional desempenhando um importante papel referencial junto ao Ministério da Saúde e aos demais laboratórios regionais de Saúde Pública na vigilância epidemiológica e laboratorial das infecções causadas pelos vírus da hepatite A, B, C, D e E.

Entre as atividades desenvolvidas está a realização dos diferentes testes sorológicos e moleculares específicos para cada um dos cinco vírus que causam doenças hepáticas, esclarecimentos de resultados discrepantes ou inconclusivos,  bem como  sequenciamento do genoma viral para esclarecimento de eventuais surtos e na caracterização das cepas circulantes no país. A atuação do LAHEP destaca-se também na prestação de serviços de assistência clínica ambulatorial no atendimento de pacientes no Ambulatório de Hepatites Virais, exercendo ação referencial no diagnóstico precoce dos casos agudos e no atendimento de gestantes com hepatite viral, junto à rede Municipal de Saúde. 

Hepatite B(HBV) 

A transmissão do HBV se dá por via parenteral através de contato com sangue contaminado pelo vírus, por compartilhamento de material infectado para uso de drogas (agulhas e seringas), objetos que furam ou cortam na tatuagens, piercings, etc.) e, sobretudo, pela via sexual (relações sexuais desprotegidas com uma pessoa infectada).  

A trans­missão vertical (de mãe para filho) também é causa frequente apresentando um alto risco (70% a 90%)  de cronificação, principalmente nos recém-nascidos de gestantes com presença de replicação viral (HBeAg reagente e/ou HBV DNA >10.000). A hepatite B pode se apresentar de forma aguda ou crônica nos indivíduos infec­tados.  Uma particularidade dessa infecção viral crônica é a possibilidade de evolução para câncer hepático.

Atualmente, o Sistema Único de Saúde disponibiliza gratuitamente a vacina contra a hepatite B em qualquer posto de saúde. Evitar a doença é muito fácil. Basta tomar as três doses da vacina, usar camisinha em todas as relações sexuais e não compartilhar objetos de uso pessoal, como lâminas de barbear e depilar, escovas de dente, material de manicure e pedicure, equipamentos para uso de drogas, confecção de tatuagem e colocação de piercings.

Marcadores realizados :HBsAg, anti - HBs, anti - HBc IgG(total), anti - HBc IgM, HBeAg, anti-HBe, HBV-DNA quantitativo. 

Produto Final: Resultado de exame em material biológico.

Instruções para atendimento
É necessário possuir cadastro no sistema GAL e seguir instruções contidas no Guia de Vigilância em Saúde - Segunda edição, volume único- 2017.
Solicitantes
  • Requisitos necessários para este solicitante acessar o serviço: 
    As amostras devem ser encaminhadas por um Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN) de um estado da federação, por Instituições de saúde públicas ou por secretarias de saúde tanto estaduais quanto municipais, após cadastro da solicitação do exame no sistema GAL (sistema Gerenciador de Ambiente Laboratorial) pelo remetente. Em casos de surto entrar em contato por e-mail para verificar como enviar amostras.
    Os seguintes casos receberão prioridade na prestação do serviço: 
    Terão prioridades casos graves, esclarecimento diagnóstico de surtos e gestantes.
Etapas do serviço
Cadastrar a solicitação do exame no sistema GAL (sistema Gerenciador de Ambiente Laboratorial) .

Documentação necessária

Todos

  • Ficha de Notificação SINAN.
  • Relatório clínico do paciente
  • Ficha do GAL

Canais de atendimento

Todos

  • Sistema Informatizado
    Cadastro do exame solicitado no GAL (sistema Gerenciador de Ambiente Laboratorial).
A amostra deve ser enviada para central de recebimento de amostra (CRA) do INCQS (Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde), localizado no Campus da Fiocruz em Manguinhos, Rio de Janeiro.

Documentação necessária

Todos

  • Formulário do SINAN
  • Ficha epidemiológica.
  • Relatório de encaminhamento do GAL.

Canais de atendimento

Todos

  • Presencial
    As amostras encaminhadas para analise pelos laboratórios de Referência da Fiocruz serão recebidas pela CRA quando estiverem em condições próprias de acondicionamento e transporte e acompanhadas de documentação pertinente. A CRA funciona 24h para o recebimento de amostras, em esquema de plantão. O endereço para entrega é Avenida Brasil,4365 - Pavilhão do INCQS. Para mais informações sobre a entrega do material, entrar em contato com o CRA pelo telefone (21)3865-5138 ou pelo e-mail: central.amostras@incqs.fiocruz.br.
O usuário deverá acessar o sistema(GAL) para conferir o resultado dos exames solicitados, no prazo estabelecido.

Canais de atendimento

Todos

  • Sistema Informatizado
    GAL (sistema Gerenciador de Ambiente Laboratorial).
Tempo estimado para realizar esse serviço
Em média
15
Dias corridos
Atualizado em: 27/08/2019
Encontre o serviço
Endereço:
Pavilhão Helio e Peggy Pereira
Avenida Brasil, 4365 Manguinhos
21040900 Rio de Janeiro , RJ
BR
Observação sobre horário de atendimento:
O recebimento de amostras acontece 24h, em esquema de plantão, no setor responsável.
Telefone:
(21) 2562-1751
Email:
llewis@ioc.fiocruz.br
Solicitação eletrônica


Download do serviço
Canais de manifestação
Doenças relacionadas

Voltar ao topoVoltar