Serviços 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Fiocruz

Fundação Oswaldo Cruz uma instituição a serviço da vida

Início do conteúdo

Epidemiologia crítica e determinação social da saúde são temas de curso na Fiocruz PE


26/01/2018

Fonte: Fiocruz Pernambuco

Compartilhar:

Estão abertas até 15 de fevereiro, as inscrições para o Curso Internacional Epidemiologia Crítica e Determinação Social da Saúde, que teve alguns itens alterados (período, carga horária e pré-requisito) mudando em relação ao que foi divulgado anteriormente. São ofertadas 20 vagas para estudantes de mestrado ou doutorado em Saúde Pública/Saúde Coletiva com conhecimentos básicos em epidemiologia e 10 vagas para docentes ou egressos da já citada área de pós-graduação e com conhecimentos básicos em epidemiologia.

Com 50 horas/aula, a capacitação corresponderá a três créditos para a pós-graduação e terá entre os docentes Adolfo Maldonado (médico e pesquisador da Acción Ecológica – Equador. Coordenador da Clínica Ambiental); Finn Diderichsen, (médico e pesquisador em Epidemiologia Social, professor aposentado do Instituto Karolinska - Suécia e professor emérito da Universidade de Copenhagen) e Lia Giraldo (médica e pesquisadora em Saúde Ambiental, do Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública da Fiocruz PE).

O objetivo principal é levar o participante a compreender a epidemiologia crítica e a determinação social da saúde como ferramentas que habilitam as intervenções em problemas e situações de iniquidades sociais em saúde de modo integrado e transformador. A promoção desse curso faz parte das comemorações dos 20 anos do Laboratório de Saúde, Ambiente e Trabalho (Lasat) da Fiocruz PE.

Para mais informações acesse a chamada pública.

Serviço

Período de inscrição: 25 de janeiro a 15 de fevereiro de 2018
Seleção dos inscritos: 15 e 16 de fevereiro de 2018
Divulgação dos selecionados: 17 de fevereiro de 2018
Matrícula: de 18 a 23 de fevereiro de 2018
Mais informações:  seac@cpqam.fiocruz.br

 

Mais em outros sítios da Fiocruz

Voltar ao topoVoltar