Início do conteúdo

13/11/2017

Abertas as inscrições para workshop sobre motilidade das células imunes


Por: Vinícius Ferreira (IOC/Fiocruz)

Estão abertas, até 25 de novembro, as inscrições para a edição 2018 do International Workshop on Immune Cell Motility (Workshop Internacional sobre Motilidade das Células Imunes). No encontro, pesquisadores e pós-graduandos terão a oportunidade de trocar conhecimentos em relação à movimentação dessas células, um tipo de célula de defesa do organismo. Este conhecimento é fundamental para o desenvolvimento de pesquisas em diversas áreas do conhecimento, como imunologia, oncologia, hematologia e infectologia. A iniciativa acontece de 2 a 8 de fevereiro de 2018, no campus da Fiocruz, em Manguinhos (Av. Brasil, 4.365 – RJ).

A iniciativa será dividida em três partes. A primeira, no dia 5, será marcada por seminários ministrados por Ana-Maria Lennon Dumenil, do Institut Curie/INSERM, de Paris, na França, e por Hugo Caire Castro Faria Neto, pesquisador do Laboratório de Imunofarmacologia do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz). Neste dia, 12 estudantes terão a oportunidade de apresentar seus resultados de pesquisa.

O dia 5 será dedicado em sessões com atividades práticas, por meio de experimentos de mobilidade e produção de imagens e vídeos de leucócitos ‘em movimento’. Já os dias 6, 7 e 8 serão dedicados à análise das imagens e vídeos produzidos e à resolução de casos com base em questões levantadas pelos alunos.

O workshop é indicado, especialmente, a estudantes de doutorado que tenham interesse específico em projetar e analisar ensaios de motilidade de leucócitos. As palestras serão ministradas apenas no idioma inglês. Acesse o site do evento para conferir a programação e se inscrever.

O encontro é promovido pelo Laboratório de Pesquisas sobre o Timo e pelo Programa de Pós-graduação Stricto sensu em Biologia Celular e Molecular, ambos do IOC, e conta com o apoio da empresa Ibidi, do Fundo para a Convergência Estrutural do MERCOSUL (FOCEM) e do Consulado Francês do Rio de Janeiro.

Mais em outros sítios da Fiocruz

Voltar ao topoVoltar