Início do conteúdo

09/08/2017

Fiocruz recebe Conselho Nacional de Saúde de 9 a 11 de agosto


Fonte: Ensp/Fiocruz

Pela segunda vez ao longo de sua história, a Fundação Oswaldo Cruz receberá o Conselho Nacional de Saúde (CNS) para uma série de atividades que têm por objetivo formalizar uma intenção para o desenvolvimento de projetos de cooperação e discutir temas relevantes e urgentes à saúde como a atenção básica, os direitos dos usuários de saúde, o desenvolvimento sustentável, dentre outros. No dia 9 de agosto, acontece a 61ª Reunião Extraordinária do CNS, com a realização de um seminário sobre atenção básica, com a participação das pesquisadoras Lígia Giovanella e Luciana Dias de Lima, da Escola Nacional de Saúde Pública (Ensp/Fiocruz) e Márcia Morosini, da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz), e Assembleia e Ato contra a nova Política Nacional de Atenção Básica, em defesa do SUS e da Atenção Primária à Saúde, em defesa dos ACS equipes de saúde bucal, a partir das 9h. 

Nos dias 10 e 11, será realizada a 296ª Reunião Ordinária do CNS, atividade que serão apreciadas as demandas das Comissões Intersetoriais e os encaminhamentos sobre a 2ª Conferência Nacional de Saúde das Mulheres e 1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde. No último dia, a presidente da Fiocruz, Nísia Trindade Lima, apresentará a Carta de Intenções da Fiocruz com o CNS, formalizando o início de uma agenda de colaboração com ações futuras a serem definidas para uma assessoria técnico-científica.

Na quarta-feira, 9 de agosto, além do debate sobre atenção básica e Ato contra a nova PNAB, haverá também o lançamento da carta dos direitos dos usuários da saúde (Portaria nº 1820/2009) e um debate sobre os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Para o dia 10 de agosto, quinta-feira, estão previstas deliberações sobre as demandas das Comissões Intersetoriais e a apreciação de encaminhamentos sobre a 2ª Conferência Nacional de Saúde das Mulheres e 1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde.

Já na sexta-feira, 11 de agosto, a presidente da Fiocruz, Nísia Trindade, fará uma apresentação da instituição aos conselheiros nacionais de saúde que visitarão instalações do Campus Manguinhos, a fim de conhecer melhor os trabalhos realizados pela Fundação. Após a visita ocorrerá a assinatura de uma Carta de Intenções da Fiocruz com o Conselho, para formalizar o início de uma agenda de colaboração com ações futuras a serem definidas para uma assessoria técnico-científica.

"É fundamental a participação de toda a comunidade Fiocruz e de todos que atuam em defesa do SUS, durante esses três dias de reunião do Conselho Nacional de Saúde. É preciso se mobilizar para participar desta agenda estando junto dos conselheiros, assistindo, conversando, mostrando quem são, o que fazem, inclusive durante a visita dos conselheiros ao Campus e no retorno da visita, quando escutaremos o que os conselheiros nos trarão de dúvidas e comentários", alertou Isabela Santos, diretora do Centro Brasileiro de Estudos em Saúde (Cebes) e pesquisadora do Departamento de Administração e Planejamento em Saúde da Ensp. 

Voltar ao topoVoltar